(Título da pintura: "limite do olhar inquieto")

rubra ânsia azul
lembranças perenes dos olhos-lança
dos olhos-praia do desassossego
dos olhos da minha alma
olhos de perdição e de ilha firme
olhos de bela saudosa e secreta
alma
sementes de infinito
são olhos assim
que brilham dentro de mim
e me dão uma noite repleta de estrelas
esses olhos que eu beijo
em lembrança e plenitude
flores de mais
possam hoje repousar
na serenidade desta canção anoitecida
com notas aladas de Haydn
asas de anjo esse olhos
que tornam o mundo um caminho e uma paisagem
onde os sonhos poisam
e se abeiram da água mais pura

Comentários

Mensagens populares